Posts arquivados em

eleições municipais

  • Candidaturas de mulheres, negros, pardos, indígenas, população LGBTQI+ – em muitos casos, somando mais de uma dessas condições – emergiram em todo o país, e paulatinamente conquistam mais votos. No total, 650 cidades elegeram prefeitas neste domingo, contra 641 em 2016. Outras cinco mulheres, disputam as eleições no segundo turno
  • “O PT vai sair fortalecido das urnas”, prevê Lula. Legenda se consolida como maior força da oposição a Bolsonaro e mantém o posto de maior agremiação da esquerda brasileira, após o massacre de 2016, com a queda de Dilma e a perseguição midiática. Das 96 maiores cidades do país, a estrela vermelha concorre com chances de ganhar – sozinha ou coligada – em 28 cidades e lidera as pesquisas em 10 desses municípios brasileiros. “A situação agora é outra”, lembra o deputado José Guimarães, coordenador do Grupo de Trabalho Eleitoral do PT 
  • Em video, Lula e Gleisi pedem que as pessoas, na hora do voto, pensem sobre o que o PT fez por suas cidades e por elas. E destacam as várias políticas desenvolvidas pelo PT em todo o país.  Lula lembra que o partido criou 20 milhões de empregos, enquanto os últimos governos já desempregaram 14 milhões de trabalhadores. E mais, destaca Lula, ainda ameaçam acabar com o Bolsa Família e com o Auxílio Emergencial, no final do ano
  • Em caminhada pelo Catete, na Zona Sul do Rio, Benedita da Silva, candidata à Prefeitura do Rio, afirmou que presidente “não tem ética nem postura moral para estar à frente de uma nação como essa”. Ela reagiu à frase de que o Brasil é um país de “maricas”: “já não é sem tempo de dar um basta nesse governo racista do Bolsonaro e seus aliados”, disse Benedita, enquanto militância animava ato com grito de guerra popularizado na campanha: “assim é que se faz, vota no 13 e Crivella nunca mais”
  • Candidato à prefeitura tem militância histórica no PT e inova, abrindo canal direto com a população para garantir a participação popular na administração da cidade. Ele foi vereador por três vezes do município e agora será eleito administrador do município, importante polo industrial do Paraná. “Todos nós sonhamos com uma Guarapuava inclusiva, desenvolvida, capaz de gerar emprego e renda, com responsabilidade. Nós sonhamos com uma cidade solidária”, destaca
  • Candidato do PT enfrenta a máquina do dinheiro e dos ricos, na corrida contra o tucano Álvaro Dias, que tem o apoio das oligarquias do Rio Grande do Norte e do ministro de Bolsonaro, Rogério Marinho. Disputa se torna mais intensa no final da corrida municipal e petista briga para ir ao segundo turno. A hora é de virar voto e crescer a quatro dias das eleições
  • A cada ‘live’ ou aceno do presidente, candidatos do campo bolsonarista afundam nas pesquisas e perdem tração, na reta final das eleições municipais. Em seis capitais, o líder da extrema-direita transformou a indicação num problema político, ampliando o repúdio dos eleitores ao governo federal. Enquanto isso, o PT segue avançando, consolidando-se como a maior força da oposição no país, mostrando competitividade e força
  • Segundo Ibope, candidata do PT à Prefeitura de Fortaleza tem 24% das intenções e está tecnicamente empatada com Capitão Wagner e José Sarto, que aparecem com  27% e 29%, respectivamente. “A pesquisa significa que há um núcleo sólido da candidatura que acredita, que é o nosso povo”. Em entrevista à Band News, Luizianne relembrou sua experiência como gestora e apresentou propostas para gerar renda e emprego para a população cearense. “Quase 70% a população vive de zero a dois salários mínimos”, aponta