Posts arquivados em

Brumadinho

  • Crime da Vale em Brumadinho completa 1 ano

    🛑Para os moradores da região a luta continua! #ValeCriminosa🛑🚩Ao longo do último ano ouvi muitos relatos que comprovam que a Vale arruinou a vida de centenas de famílias, não só na cidade de Brumadinho mas alcançou outros estados como o Espírito Santo, onde a lama chegou, contaminando a Bacia do Rio Doce. Neste sábado (25), completa um ano deste #CRIME da Vale, que matou 270 pessoas. 💬Relatos como o do sobrevivente Edvaldo e da pescadora do Espírito Santo, Regiane, que estão neste vídeo. Ela uma pescadora que, após ver a lama "matar" o rio e perder seu sustento, decidiu largar tudo e vir para Minas Gerais se juntar às vítimas.😡É ABSURDO ver histórias como essas e saber que um ano após o rompimento da barragem os acionistas da Vale vão dividir os lucros do último ano, enquanto as vítimas lutam para receber mais indenizações.✔O Ministério Público de Minas Gerais afirmou que Fabio Schwartsman, ex-CEO da Vale e mais 15 executivos da mineradora e da empresa Tüv Sud foram os responsáveis pela morte das vítimas, e assim denunciados por homicídio doloso, no dia 21 de janeiro.📢A discussão pela #REESTATIZAÇÃO DA VALE deve ganhar TODOS os espaços. Vamos juntos fortalecer a luta, companheirada!✊Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB)

    Julkaissut Betão Keskiviikkona 22. tammikuuta 2020
    Parlamentar petista publica vídeo com depoimentos de algumas das vítimas do crime cometido pela Vale na cidade mineira em janeiro de 2019
  • RELATOS DE UM CRIME ANUNCIADO

    RELATOS DE UM CRIME ANUNCIADOÀs 12 horas e 28 minutos desta sexta-feira, dia 25 de outubro, moradores de Brumadinho (MG) e familiares das vítimas do rompimento da Barragem da Vale, em Córrego do Feijão, reúnem-se para reverenciar a memória de seus 270 mortos, lembrar que 18 corpos ainda não foram encontrados e reiterar o protesto contra o crime da mineradora, que completa nove meses. Pedem Justiça e Reparação. Desde 25 de janeiro, a cada dia 25, sempre no horário do rompimento, Brumadinho fica de luto. Afinal, a vida da cidade e das famílias nunca mais foi a mesma. Na Assembleia Legislativa de Minas, instalamos uma CPI que investigou o rompimento da Barragem durante seis meses e apresentou seu Relatório no dia 17 de setembro, com 149 recomendações, entre elas o pedido de indiciamento do ex-presidente da Vale, Fábio Schvartsman, e de outras 12 pessoas. Mas não encerramos aí nossas atividades. Foi constituído um Grupo de Trabalho, que já definiu a matriz do acompanhamento que fará às 149 recomendações feitas aos diversos órgãos públicos. Vamos trabalhar por Justiça, Reparação e para que nunca mais crimes como esse aconteçam. Tudo isso está contado aqui, neste vídeo. Assistam!

    Julkaissut Deputado Estadual André Quintão Perjantaina 25. lokakuuta 2019
    O deputado estadual lembrou do compromisso de todos em repensar o modelo de desenvolvimento econômico: “a vida tem que estar sempre em primeiro lugar”