Povo vai às ruas por eleições livres nesta quinta, 11; Confira locais

Mais de 800 mil brasileiros e brasileiras repudiam postura de Bolsonaro contra o sistema eleitoral e assinam Carta em defesa do Estado Democrático de Direito

Site do PT

Povo vai às ruas por eleições livres nesta quinta, 11

Em defesa da democracia e repúdio aos ataques de Bolsonaro contra o sistema eleitoral brasileiro, o povo vai às ruas do país nesta quinta-feira, dia 11.

A Secretaria Nacional de Movimentos Populares do Partido dos Trabalhadores (PT), a Central de Movimentos Populares (CMP), a Central Única dos Trabalhadores (CUT), universidades, movimentos sociais, sindicatos, sociedade civil e colegiados se mobilizam pelo ato, que também é um protesto contra a carestia, o desemprego, a fome e todos os retrocessos promovidos pelo desgoverno de Bolsonaro.

Retomada das mobilizações de rua

Raimundo Bonfim, coordenador nacional da CMP, fala sobre a importância da retomada das mobilizações de rua por um Brasil melhor e denuncia as medidas de Bolsonaro na tentativa de enganar o povo brasileiro.

“Nós temos um papel importantíssimo nesta eleição. Estamos nas ruas lutando pela defesa da democracia e por eleições livres. No próximo dia 11, temos um ato contra os ataques de Bolsonaro ao pleito eleitoral e, neste mesmo dia, ele marcou uma visita à Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp). Mas nós não cairemos na provocação”, disse.

Ouça, abaixo, o coordenador nacional da Central de Movimentos Populares.

Carta em defesa do Estado Democrático de Direito

Como manifesto, uma Carta às Brasileiras e Brasileiros em defesa do Estado Democrático de Direitos acumula mais de 800 mil assinaturas entre juristas, professores, artistas, atletas, políticas e sociedade civil contra a postura golpista de Bolsonaro.

O documento, elaborado na Faculdade de Direitos da Universidade de São Paulo (USP), une todos os setores da sociedade contrários às declarações bolsonaristas contra o resultado das eleições, às fake news sobre as urnas eletrônicas e contra os ministros do país.

Faça parte do manifesto no link: https://www.estadodedireitosempre.com/

Lula assina manifesto em defesa da democracia

O ex-presidente colocou seu nome em manifesto criado por ex-alunos da Faculdade de Direito da USP, em defesa do sistema eleitoral brasileiro nesta segunda-feira, 8.

O documento, que visa combater as notícias falsas e ataques contra as urnas eletrônicas e o sistema eleitoral brasileiro, será lido publicamente na próxima quinta-feira, 11 de agosto.

Veja os locais e horários definidos para o ato do dia 11 de agosto

📍AL: Maceió: Praça Centenário, 8h

📍AM: Manaus: Praça da Saudade, 15h

📍BA: Salvador: Praça do Campo Grande, 9h

📍CE: Fortaleza: Praça da Bandeira, 9h

📍DF: Brasília: Congresso Nacional, 15h

📍ES: Vitória: Praça Costa Pereira, 10h

📍GO: Goiânia: Praça Universitária, 17h

📍MA: São Luís: Praça Deodoro, 16h

📍MG: Belo Horizonte, Praça Afonso Arinos, 17h

📍MS:  Campo Grande: Câmara Municipal, 10h.

📍PB: João Pessoa: Lyceu Paraibano, 14h

📍PE: Recife: Rua da Aurora, 15h

📍 PI: Teresina: Praça Rio Branco, 8h30

📍 PR: Curitiba: Praça Santos Andrade, 18h30

📍 RJ: Rio de Janeiro: Candelária, 16h

📍RN: Natal: Midway, 14h30

📍SC: Florianópolis: Praça da Alfândega, 17h

📍SE: Aracaju: Praça Getúlio Vargas. Bairro São José, 15h.

📍SP: Santos: Praça dos Andradas, 10h

São Paulo: MASP, 17h

Ribeirão Preto: Esplanada do Teatro Pedro II, 17h

LEIA TAMBÉM: Tudo que você precisa para a campanha, na Casa 13 tem! Use e compartilhe

Da Redação, com informações da CUT e CMP

Tópicos:

LEIA TAMBÉM:

Mais notícias

PT Cast