Área PT
Posts arquivados em

Luiz Inácio Lula da Silva

  • Em entrevista ao jornalista Luis Nassif, nesta sexta-feira (26), ex-presidente condenou a destruição do país por Bolsonaro.”Ele fica brincando com máscara, dizendo que não pode usar máscara. Bolsonaro não leva em conta que ontem morreram 1.582 pessoas. Para ele, esses mortos não valem nada”, disse Lula, para quem o país vive uma guerra. “Sou favorável a aumentar a base monetária, que se pegue dinheiro para cuidar da vacinação do nosso povo”
  • Após diagnóstico positivo para Covid-19, em dezembro, ex-presidente Lula e delegação que viajou para Cuba permaneceram em isolamento, respeitando os protocolos do sistema de saúde cubano. “Eu e toda minha equipe somos agradecidos à dedicação dos profissionais de saúde e do sistema de saúde pública cubano que estiveram conosco no cuidado diário”, afirmou o ex-presidente, já curado após cumprir quarentena. “Sentimos na pele a importância de um sistema público de saúde que adota um protocolo unificado, inspirado na ciência e nas diretrizes da OMS. E quero estender as minhas saudações a todos os profissionais de saúde que se esforçam para fazer o mesmo aqui no Brasil, apesar da irresponsabilidade do presidente da República e do ministro da Saúde”, disse o ex-presidente
  • “Quisera Deus que o Brasil tivesse muitas mulheres com a tua garra, com a tua competência e tua capacidade gerencial, Luizianne”, exaltou o ex-presidente Lula, durante live, nesta sexta-feira (13). Fernando Haddad lembrou que a gestão de Luizianne como prefeita virou referência nacional. “Você não baixa a cabeça para oligarca, não baixa a cabeça para os que te ofendem sempre que podem a cada eleição”, disse ao prestar solidariedade e condenar os ataques da campanha cirista
  • Em entrevista ao ‘El País’, ex-presidente reafirma importância do legado do PT na disputa eleitoral e defende que é preciso avançar com apresentação de novas propostas pelo partido. “Aqueles que achavam que o PT tinha acabado em 2016 foram os mesmos que se assustaram com a performance do companheiro Fernando Haddad em 2018, mesmo ele começando a campanha a 20 dias das eleições”, advertiu Lula. “As pessoas falam muito no “novo normal”. O novo normal é ter carteira profissional, férias, 13º, seguridade. Tiraram para oferecer o quê? Nada, estão tirando os sonhos das pessoas”, observou o ex-presidente
  • Segundo portal ‘247’, pasta das Relações Exteriores enviou às embaixadas brasileiras um vídeo com acusações e informações falsas sobre Lula e a Petrobras. Ao mesmo tempo, o vídeo, com narração em inglês e legendas em português, exalta Bolsonaro. “Desesperado com a repercussão negativa do seu governo no mundo e com o boicote que tem sofrido de vários países por causa do desmatamento, Bolsonaro tenta culpar Lula e o PT pelos seus erros, que nem mais parte do governo fazem”, reagiu a presidenta do PT, deputada federal Gleisi Hoffmann
  • Em entrevista ao ‘Blog da Cidadania’, ex-presidente critica desastre sanitário e econômico causado pelo governo, que já deixou um saldo recorde de desemprego de 13,8% em julho, o maior da série histórica. “Lamentavelmente, o Brasil retornou ao Mapa da Fome da ONU. E voltamos porque tem muita gente desempregada”, denuncia Lula, que também advertiu para a agenda do ministro da Economia. “Paulo Guedes fala em economia em nome de quem? Ele trabalha para fazer com que o Brasil atenda aos interesses dos bancos”, explicita
  • Em entrevista ao ‘Diário do Centro do Mundo’, ex-presidente reagiu à nova farsa montada pela operação sob forma de mais uma “denúncia” contra o Instituto Lula. ”Qual o crime eu cometi? Eu dei soberania a esse país. Esse país tinha orgulho quando eu governava, cresceu, acabou com a fome, melhorou a renda. O crime que eu cometi foi o “crime” da ousadia, de que era possível permitir que os pobres participassem do orçamento da Federação, que pudessem tomar café, almoçar e jantar todo dia”, lembrou o ex-presidente. “Como eu sei que eles querem anular essa parte da história do Brasil, meu papel é defender esse legado”, ressaltou
  • 1
  • 2