Área PT
Posts arquivados em

MEC

  • Em artigo, o ex-ministro da Educação comenta a reação da comunidade acadêmica aos esbirros do MEC, que tentou baixar norma ignorando a pandemia para exigir a volta das aulas presenciais. “Enquanto a vacinação em massa não é uma realidade, a retomada da vida acadêmica universitária deve ser precedida de uma análise técnica rigorosa de cada localidade, pela dimensão continental do Brasil, e respeitar todos os protocolos e orientações das autoridades sanitárias”, aponta
  • Reação generalizada à portaria determinando a retomada das atividades nos campi a partir de 4 de janeiro fez o ministro da Educação recuar. Professores, reitores das instituições federais, especialistas em educação e parlamentares atacaram a medida “absurda”, e alguns chegaram a afirmar que não a obedeceriam. Trapalhada do governo Bolsonaro na área educacional não é a primeira
  • Ex-ministro diz que desvio de recursos pelo governo para atender obras eleitorais é ruim para o país. “Bolsonaro escolhei a educação como vítima preferencial de sua política de desmonte e arrocho fiscal”, denuncia o presidente da Fundação Perseu Abramo. MEC perdeu R$ 1,4 bilhão do orçamento para os ministérios da Infraestrutura e do Desenvolvimento Regional. “MEC é um navio à deriva, sem rumo, sem planejamento”, lamenta
  • Presidente nomeou um ministro decorativo para o MEC, que simplesmente desapareceu em meio à crise, apesar de estar à frente do cargo há quatro meses. Levantamento de ONG confirma o descalabro no ensino: governo só gastou até agora 6% de recursos livres para educação básica. “Bolsonaro é inimigo da educação e a inoperância do MEC é revoltante”, adverte a deputada Margarida Salomão (PT-MG).
  • Em mais um ataque sistemático para destruir o sistema educacional, governo pretende cortar o orçamento do MEC e remanejar parte da verba para custear obras com fins eleitoreiros. “Para turbinar obras em seus redutos eleitorais, Bolsonaro tem dinheiro, mas para a Educação não tem. Os recursos seriam investidos na educação de milhares de crianças”, denuncia Humberto Costa
  • Ex-prefeito de São Paulo alerta na Globonews que a opção do Palácio do Planalto em investir no Ministério da Defesa a ampliar recursos para o Fundeb é ruim para o futuro das crianças brasileiras. “Sobra [dinheiro] para muita gente e falta para o povo”, critica. “Falta seriedade ao governo”
  • A corrupção assombra o governo e o Planalto. Bolsonaro nomeia Carlos Alberto Decotelli para o MEC, suspeito de esquema bilionário na compra de 1 milhão de computadores com dinheiro do FNDE. O edital bilionário de licitação, realizado em 2019, só foi cancelado por pressão da CGU. Novo ministro ainda passa vergonha ao declarar doutorado desmentido por reitor argentino
  • Presidente da Fundação Perseu Abramo escreve artigo apontando como positivo o levante institucional contra as arbitrariedades do governo, e prevê um rechaço crescente: “Com o impeachment na pauta, serão impulsionados ainda mais os protestos virtuais, os panelaços e os movimentos de rua da juventude, que devem seguir todos protocolos sanitários e de proteção da saúde e da vida”
  • Presidente do Senado devolve ao governo a medida provisória que dava ao MEC poderes para indicar interventores nas universidades e institutos federais de ensino. Derrotado, Planalto ‘agasalha’ e recua, tornando sem efeito a norma, que era inconstitucional e feria a autonomia universitária. Petistas comemoram