Área PT

Arquivo

  • Presidente e ministro da Economia voltaram a reafirmar, em reunião com empresários, nesta terça (26), a política de fidelidade canina do governo ao sistema financeiro, com manutenção do arrocho imposto pelo Teto de Gastos. Resultado é aumento da pobreza e do desemprego, que bate recordes consecutivos desde junho. Pesquisa da consultoria Atlas Político revela que 81% dos brasileiros consideram ruim a situação do emprego no país e 45% avaliam que quadro continuará péssimo pelos próximos seis meses
  • Nova edição do ato ‘Stop Bolsonaro’ acontece no próximo domingo, 31, com ações em todo o mundo. Também no domingo, a mobilização pelo impeachment no país terá protestos, com adesão dos partidos de oposição e de entidades sociais. Para a presidenta Nacional do PT, Gleisi Hoffmann, a participação popular e da sociedade civil será decisiva para “livrar o país e o povo do caos sanitário, econômico e social imposto por Bolsonaro e seu governo”
  • Religiosos entraram com pedido de impeachment contra Bolsonaro por negligência no combata à pandemia. O pedido é assinado por padres católicos, anglicanos, luteranos, metodistas e também pastores. A iniciativa tem apoio do Conselho Nacional de Igrejas Cristãs do Brasil, da Comissão Brasileira Justiça e Paz da CNBB e da Aliança de Batistas do Brasil. É a primeira vez que representantes religiosos encaminham uma denúncia contra o presidente por crime de responsabilidade
  • Evento virtual que reuniu mais de 400 militantes de organizações sociais, partidárias e sindicais também deliberou ações pelo enfrentamento da crise sanitária com vacinação em massa, fortalecimento do SUS e medidas de distanciamento social e também da crise econômica, com a retomada do auxílio emergencial, defesa do Programa de Proteção ao Emprego, luta contra o Teto dos gatos e contra a Reforma administrativa.
  • “A burocracia não pode ser mais importante que salvar vidas”, cobra o governador da Bahia. Na segunda-feira (25), a Anvisa informou o Supremo Tribunal Federal que não pode liberar o uso emergencial do imunizante russo sem aval técnico do órgão. Argentina, Bolívia, Venezuela, Paraguai e México estão entre os países que assinaram acordo para o uso da Sputnik V.
  • Ministro Ricardo Lewandowski acatou pedido da Procuradoria Geral da República e o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, terá cinco dias para depor à Polícia Federal. Ele terá de explicar a omissão do governo que resultou na morte de pelo menos 31 pacientes por falta de oxigênio na capital amazonense. Investigação tem prazo de 60 dias e poderá resultar em ação judicial.”Não basta punir o operador da carnificina. O chefe do genocídio precisa pagar também”, cobrou a presidenta do PT, Gleisi Hoffmann
  • “A classe trabalhadora na terceira década do século 21” busca entender “a marcha da devastação do trabalho no país, especialmente quando a crise pandêmica revela as entranhas do neoliberalismo, pelas quais a classe do labor sofre e busca resistir”. As inscrições são gratuitas e vão até 5 de fevereiro, mas podem encerrar-se antes, quando o limite de 300 vagas for atingido. Garanta sua vaga
  • O Partido dos Trabalhadores comemora 41 anos de existência no próximo 10 de fevereiro em meio a uma das maiores crises vividas pelo país. Para afirmar a data, além das atividades previstas, o partido criou uma marca especial para o aniversário, traduzindo a trajetória e o atual momento da vida do partido junto à sociedade brasileira. “O lema e a marca dos 41 anos é o encontro exato da história do PT com o presente e o futuro, afirmando o compromisso com a reinvenção do caminho, do rumo para realizar nossos sonhos”, define o secretário nacional de Comunicação Jilmar Tatto