Área PT

Arquivo

  • Micro e pequenas empresas são asfixiadas pela falta de política do presidente Jair Bolsonaro e do ministro da Economia, Paulo Guedes, para o setor. Segundo o IBGE, o Brasil completou o quinto ano seguido em que mais empresas fecharam do que abriram. Retomada do Pronampe segue atrasada e governo dificulta acesso a crédito
  • “Foi uma tempestade perfeita”, disse o criminalista Lenio Streck, em debate no programa Pauta Brasil, da Fundação Perseu Abramo, nesta segunda-feira, 25. “O julgamento começou pelo fim, ou seja, a condenação do presidente Lula. Provas contrabandeadas, clandestinas, enfim, um conjunto de coisas que foi acontecendo que culminou na mudança de poder no Brasil. O cinismo sempre é doloso”, atacou
  • O Partido dos Trabalhadores de Santa Catarina repudia, com veemência, o ataque sofrido pelo presidente do Sintrasem, Renê Munaro. O ataque ocorreu no final de semana, em meio à greve dos trabalhadores contra a extinção da Comcap e a retirada de direitos
  • Dois anos após o rompimento da barragem no município de Brumadinho (MG) que matou 272 pessoas, a mineradora Vale continua protelando o pagamento das indenizações às famílias atingidas pela tragédia. Os deputados petistas Rogério Correia, relator da CPI de Brumadinho na Câmara, e Reginaldo Lopes criticaram a mineradora pela lentidão e mesmo após a destruição provocada na cidade mineira continua a colocar em risco a vida de quem vive próximo das barragens de rejeitos de minério.
  • Segundo pesquisa do ‘Datafolha’ divulgada no último fim de semana, o número de pessoas que têm intenção de se vacinar contra a Covid-19 aumentou de 73% em dezembro para 79%. “A população não aguenta mais a política da violência, da mentira e do negacionismo, que tem levado à morte de milhares de pessoas”, afirma o deputado Alexandre Padilha (PT-SP). Campanha esbarra em estratégia bolsonarista de desinformação
  • “A vida das pessoas está acontecendo agora, de muitas findando-se em meio a uma pandemia descontrolada, a de outros sendo privada de um mínimo de alimentação, de acesso a saúde, de perspectiva de futuro. Setores da economia estão sendo entregues ou liquidados. Para grande parte da sociedade brasileira a retomada desta via democrática e nacionalista é muito mais uma questão se sobrevivência do que de opinião”, afirma Vladimir de Paula Brito em artigo
  • Economistas estimam uma queda do Produto Interno Bruto que deverá ficar entre 2 a 3%, enquanto a renda das famílias deverá sofrer uma grande queda no primeiro trimestre deste ano em comparação ao último trimestre de 2020. A baixa atividade econômica agravada pela falta de vacinação, além do desemprego em massa, impõem medidas como o retorno do pagamento do auxílio, cortado pelo governo Bolsonaro em dezembro
  • Ministério da Saúde admite em nota que empresa ofereceu 70 milhões de doses do imunizante americano mas ignorou acordo por considerar cláusulas “abusivas”. Episódio aumenta pressão por impeachment. “Essa nota é pura confissão de culpa, perdemos 70 milhões de doses nessa brincadeira! Criminoso, Bolsonaro estaria no banco dos réus em qualquer lugar do mundo”, reagiu a presidenta nacional do PT, deputada Gleisi Hoffmann (PR)