Área PT

Justiça

  • Manifestação acontece nesta quarta-feira, 17h, em frente ao Supremo Tribunal Federal (STF), em Brasília. “Em defesa da vida, da democracia e da Constituição”, o ato é organizado pela Associação Brasileira de Juristas pela Democracia (ABJD), Advogados pela Democracia, Justiça e Cidadania (ADJC) e pelos Advogados Públicos pela Democracia (APD).
  • Em nota, Gleisi e os líderes denunciam esforço do bolsonarismo para desviar atenção do país e do mundo sobre os crimes do presidente da República. “Alertamos a sociedade brasileira e a comunidade internacional para a gravidade da farsa que Bolsonaro prepara e para a qual já mobilizou sua milícia digital e seus apoiadores em parte da mídia”, advertem. “A nova mentira de Bolsonaro atenta não só contra o PT, mas contra o Estado de Direito e a ordem jurídica”
  • Responsável pela defesa do presidente da República acusou a legenda de tramar com Adélio o atentado contra o candidato em 2018. “Quem está por trás disso é o PT. Isso foi encomendado”, denunciou. A presidenta rebateu: “Esse advogado fez acusação safada e terá de responder na Justiça”
  • Gleisi e os líderes Enio Verri e Rogério Carvalho apontam ‘Comandante Paulo’ como incitador de atos contra o STF em notícia-fato entregue ao relator Alexandre de Moraes e cobram providências do procurador-geral da República sobre os riscos à saúde pública em função das manifestações do bolsonarismo
  • Lula Livre!
    Em nota, presidenta do PT e líderes no Congresso denunciam decisão do tribunal, dificultando direito de defesa, em julgamento vergonhoso, feito de maneira virtual, do caso de Atibaia. “Foi mais um processo armado desde o início por Sergio Moro para condenar o ex-presidente, e novamente contra todas as provas de que as acusações são falsas e Lula não cometeu crime algum”, apontam